Acordo de Zurique

O Acordo de Zurique, aprovado no dia 05 de abril de 2013, é uma declaração da Organização das Nações Unidas de que os neos devem ser classificados e considerados como humanos possuindo os mesmos direitos e responsabilidades.

Essa moção foi repudiada por muitas nações e, expressamente, rejeitadas por outras – especialmente, aquelas com históricos de violações dos direitos humanos (Irã, China, Sudão e Síria)

Trechos do Acordo de Zurique:

TENDO EM VISTA QUE todas as evidências científicas atualmente disponíveis indicam que os indivíduos conhecidos como “neos” são, de facto, uma subespécie da Humanidade, Homo Sapiens, momentaneamente, designada de Homo Sapiens novus; e
TENDO EM VISTA QUE todos os indivíduos, independente de designação científica ou habilidade sobrenatural têm direito à dignidade, respeito e direitos humanos básicos;
PORTANTO, FICA DECIDIDO QUE NÓS, OS MEMBROS DAS NAÇÕES UNIDAS, declaramos que as pessoas conhecidas como “neos” devem, por direito, receber todas as garantias e proteções concedidas a todas as pessoas pela Declaração Universal dos Direitos Humanos das Nações Unidas.

Consulte as notícias da mídia para os meses de [[Mídia – Abril/Maio | abril/maio de 2013.]]

Acordo de Zurique

The Neo Age Brunao